Substância pode resolver o problema de celulares que caem na água

Alexandra Marques
Por Alexandra Marques junho 11, 2015 15:02

Substância pode resolver o problema de celulares que caem na água

Os celulares evoluem a cada dia, ganhando novas funções e aprimorando as antigas, mas um problema permanece: o que fazer quando o dispositivo entra em contato com a água? Seja caindo no vaso sanitário, na piscina ou até derrubando líquidos acidentalmente, a água em muitos casos pode ser uma sentença de morte para o aparelho. Mas uma dupla de estudantes espanhois promete resolver o problema sem precisar mergulhar o dispositivo no arroz – uma das técnicas mais utilizadas nesses casos que nem sempre funciona.

Batizado de Waterrevive Blue, o líquido pode eliminar a corrosão dentro do celular em 98% dos casos. Alvaro Martin, um dos criadores do projeto, explica que a ideia surgiu quando acidentalmente ele molhou seu celular em um passeio na praia. Depois de tentativas frustradas em uma série de assistências técnicas, o jovem, então com 18 anos, começou a pensar em uma maneira de corrigir o problema. “Misturei alguns compostos químicos e horas mais tarde percebi que estava resolvido”, conta.

Como funciona?

Depois de molhar o dispositivo, Martin explica que é preciso desligá-lo, para evitar um curto-circuito. Depois disso, basta colocá-lo em um saco vedado com a substância por um período de 7 minutos e deixar o aparelho secar por 24h.

Mas a fórmula não faz milagres. Apesar de eliminar a corrosão, não há o que fazer quando o telefone está em curto. “Há uma pequena percentagem de terminais que não podem ser recuperados, o que pode acontecer quando a pessoa tenta ligar o celular. Conectá-lo ao carregador é um erro fatal, porque pode queimar a placa do smartphone, algo impossível de resolver”, explica Martin.

A Waterrevive Blue está sendo vendida no site da empresa por € 35. Caso a substância não funcione, a empresa promete devolver o dinheiro do consumidor.

Fonte: Olhar Digital

Alexandra Marques
Por Alexandra Marques junho 11, 2015 15:02
Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda!

Deixe-me contar uma história triste! Não há comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esse artigo.

Escreva um comentário
Ver comentários

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos requeridos estão marcados*

COMENTÁRIOS RECENTES

  • Todi

    Todi

    Ótimo obrigado.

    Ver artigo
  • Victor

    Victor

    Fiz os treinamentos de Excel Básico e Intermediário. Ambos são excelentes e proporcionam um ótimo domínio da ferramenta para que…

    Ver artigo
  • PL

    PL

    Ajudou pacas, muito prático. vlw.

    Ver artigo

AGENDA

ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK

CADASTRE-SE PARA NOVIDADES